DEODORO: Requalificação da Deodoro aproxima-se do final

CIDADE

A execução do projeto de requalificação da rua Marechal Deodoro aproxima-se da finalização. Acaba de ser concluída a substituição do sistema de iluminação pública convencional por LED, no trecho 2 da via, entre avenida Bento Gonçalves e rua Marechal Floriano.

Esta etapa termina a mudança de luminárias e dota a Deodoro, entre as ruas Guilherme Wetzel e Gomes Carneiro (3,2 quilômetros de extensão) com luz fria, clara, econômica, moderna e de alta qualidade.

EXTENSÃO revitalizada teve obras concluídas

EXTENSÃO revitalizada teve obras concluídas

A partir de agora, o trecho 2 – último a passar por intervenções – aguarda somente a instalação de dois abrigos para usuários do transporte coletivo – um entre General Argolo e Senador Mendonça e, o outro, entre Doutor Cassiano e Voluntários da Pátria.

Faltam também algumas peças do mobiliário urbano naquele segmento, como bancos, e a conclusão da sinalização óptica (tachinhas), da qual os tachões já foram colocados. As lixeiras para utilização por pedestres, adequadas para descarte de lixo de pequeno porte, como papéis, embalagens de lanches e outros, nas cores verde e laranja, já foram implantadas. O aparato dos três trechos da via é padronizado.

TRANSFORMAÇÃO

A transformação da rua Marechal Deodoro está incluída no sistema de mobilidade urbana, com o objetivo de organizar a circulação do transporte coletivo, de outros veículos e de pedestres. O investimento público ultrapassa a marca dos R$ 7,6 milhões, com recursos do Ministério das Cidades e contrapartida da Prefeitura. O contrato é de mais de R$ 18 milhões, incluindo as ruas General Osório e Gomes Carneiro.

Entre os benefícios promovidos pelas mudanças na Deodoro, constam a qualidade visual do espaço urbano e a otimização das condições de trafegabilidade. Parte da via recebeu corredor de concreto, exclusivo para transporte coletivo; placas de concreto em paradas de ônibus; capeamento asfáltico em toda a extensão da pista; abrigos de estrutura metálica, cobertura, laterais e fundo de vidro; alargamento de calçadas; acessibilidade; paisagismo; mobiliário urbano; sinalização viária horizontal e vertical; e iluminação em LED.

Da Prefeitura, coube à Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) a gerência e a fiscalização da execução do projeto. As obras são feitas pela empresa SBS Engenharia Ltda.

Fonte: Diário da Manhã

Compartilhe